Marca SINDIFISCO Sindicato do Grupo Ocupacional Administração Tributária do Estado de Pernambuco

Notícias da Fenafisco

Estado atrasa decreto da mesa de negociação

 

Os servidores do Estado vão ter que esperar mais um pouco para a criação da Mesa de Negociação Permanente. O secretário de Administração, Paulo Câmara, havia dado o prazo para a categoria, na primeira reunião sobre o assunto em março, de que o programa seria implantado até ontem. O decreto foi enviado, no dia 8, para o governador Eduardo Campos assinar, mas ainda está na Procuradoria do Estado para uma revisão final.

Segundo as assessorias de Imprensa da secretaria e do Palácio das Princesas, não há uma data para a assinatura, já que o governador está em Brasília. Para o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Civis do Estado de Pernambuco (Sindserpe), Renilson Oliveira, o atraso na data é preocupante, pois o Estado tem 12 dias úteis para apresentar a proposta para a reposição salarial. A data-base da categoria é em 1° de junho.

Tem de ser anunciada (a mesa) antes dessa data. Há uma legislação para isso. Não houve comunicação por parte do governo”, ressaltou Oliveira. A expectativa dos servidores é de que o decreto seja assinado até esta sexta-feira. A assessoria de Imprensa do secretário Paulo Câmara informou que a primeira reunião da mesa será no fim deste mês.

Na pauta de reivindicações gerais, os servidores querem que o piso salarial seja de acordo com o mínimo (R$ 380), respeitando as faixas salariais. Para aqueles que recebem acima do piso, a categoria quer um reajuste de 16%.

Mais Notícias da Fenafisco